SANTIAGO TEM O DIA MAIS QUENTE DO ANO

Quem está em Santiago anda sofrendo um pouco com o calor, nos últimos dias a cidade teve máximas acima dos 30C, e como o clima é seco demais, só o ar condicionado para aliviar um pouco. Na rua, tem um sol para cada um, por isso não esqueçam de passar protetor solar e logicamente de se hidratar muito. Ontem os termômetros chegaram a 35C às 16h53min em comunas como Providencia e Quinta Normal, a temperatura mais alta do ano, para lembrar todo mundo que o verão ainda não foi embora. Segundo os meteorologistas da Dirección Meteorologica de Chile as temperaturas máximas devem abaixar a partir de hoje, tanto é que a máxima prevista para hoje é de 33C, em um dia de muito sol e ceu aberto, só com algumas nuvens no ceu de vez em quando. Já a partir de quinta e no fim de semana a máxima prevista será abaixo dos 30C. Eles disseram também que o calor deverá ficar até abril e que março deverá ter temperaturas máximas de até 32C e abril de 26C. Agora está 18,7C com 48% de umidade relativa do ar. Na sexta volto a falar do clima do fim de semana. Até mais! Marcia

 

Anúncios

Sobre Marcia Jancikic

Publicitária de formação, sua paixão por Santiago do Chile acabou se transformando em livro e blog, que acabaram se tornando seu xodó. Falante e curiosa, fica sonhando com novos destinos e aventuras. Nas horas vagas fotografa tudo o que vê pela frente e se diverte com cosméticos, maquiagens e futebol. Sim, você leu certo, futebol! O Palmeiras é uma de suas grandes paixões.
Esta entrada foi publicada em Sem categoria. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s